Legislação

 

MTR – Norma Atualizada

 

18.15.56 Ancoragem (Inserido pela Portaria SIT n.º 157, de 10 de abril de 2006)

 

18.15.56.1 Nas edificações com, no mínimo, quatro pavimentos ou altura de 12m (doze metros) a partir do nível do térreo devem ser instalados dispositivos destinados à ancoragem de equipamentos de sustentação de andaimes e de cabos de segurança para o uso de proteção individual a serem utilizados nos serviços de limpeza, manutenção e restauração de fachadas. (Alterado pela Portaria SIT n.º 318, de 8 de maio de 2012)

 

18.15.56.2 Os pontos de ancoragem devem:

 

a) estar dispostos de modo a atender todo o perímetro da edificação;

b) suportar uma carga pontual de 1.500 Kgf (mil e quinhentos quilogramas-força); (Alterada pela Portaria SIT n.º 318, de 8 de maio de 2012)

c) constar do projeto estrutural da edificação;

d) ser constituídos de material resistente às intempéries, como aço inoxidável ou material de características equivalentes.

18.15.56.3 Os pontos de ancoragem de equipamentos e dos cabos de segurança devem ser independentes.

 

18.15.56.4 O item 18.15.56.1 desta norma regulamentadora não se aplica às edificações que possuírem projetos específicos para instalação de equipamentos definitivos para limpeza, manutenção e restauração de fachadas.

 

18.15.56.5 A ancoragem deve apresentar na sua estrutura, em caracteres indeléveis e bem visíveis: (Inserido pela Portaria SIT n.º 318, de 8 de maio de 2012)

 

a) razão social do fabricante e o seu CNPJ;

b) indicação da carga de 1.500 Kgf;

c) material da qual é constituído; d) número de fabricação/série.

 

NBR 16325-1: Proteção contra quedas de altura – Parte 1: Dispositivos de ancoragem tipos A, B e D

NBR 16325-2: Proteção contra quedas de altura – Parte 2: Dispositivos de ancoragem tipo C

 

GARANTIAS E SEGUROS

 

Atender no cumprimento da nova legislação da NR18:

  • Economia nas despesas de manutenção decorrente da facilidade de utilização do sistema;
  • Fornecemos Manuais de Utilização e Certificados de qualidade dos componentes do sistema, ART’s, entre outros;